(11) 4266-0513 / (11) 94797-6909

Clínica para dependentes químicos particulares

A internação de dependentes químicos ocorre quando existe um descontrole e uma compulsão por parte do usuário, em alguns casos o tratamento ambulatorial pode ser eficiente, porém às vezes a internação, voluntária ou não, é a única solução. 

Existem diversas clínicas em todo o país especializadas nesse tipo de tratamento, mesmo em menor quantidade ainda existem algumas clínicas que oferecem esse tratamento gratuito, sendo assim, as clínicas particulares podem ser a saída para esse tipo de intervenção. 

As clínicas para dependentes químicos têm como objetivo a reabilitação do estado físico e emocional dos pacientes, preservando sempre a integridade psicológica, social e física dos dependentes. Para que isso aconteça as clínicas particulares possuem toda estrutura para atender as necessidades de cada paciente, como psiquiatras, clínicos gerais, terapeutas e psicólogos, para poder auxiliar nesse processo. 

Quando um paciente é internado em uma clínica de reabilitação o primeiro passo dado pela equipe médica, é realizar um planejamento do tipo de tratamento que será realizado e fazer uma avaliação junto ao paciente, para que dessa forma possam ser avaliadas quais as necessidades específicas para esse caso. Existem diversos pontos a serem analisados, que podem interferir diretamente no tipo de tratamento que irá ser realizado, como por exemplo: 

- É preciso avaliar o tipo de substância que é utilizada pelo paciente e tentar determinar, junto a ele, o período de dependência; 

- Caso a internação seja involuntária a equipe médica precisa redobrar a atenção no atendimento psicológico, para que o paciente consiga enxergar a necessidade e a urgência do tratamento. 

Depois de estabelecido esses pontos a equipe responsável consegue determinar qual medida será tomada, se o tratamento será em regime fechado ou não, se o paciente irá receber visitas durante a internação (isso é um ponto muito importante a ser avaliado junto a família, pois as visitas durante o período de abstinência podem trazer alguns incômodos ao paciente, agravando ainda mais a situação) e o tempo de tratamento. Na maioria dos casos, as clínicas particulares trabalham com 30 dias de internação e mais 30, 60 ou 90 dias de acompanhamento, que é considerado o período de manutenção do tratamento. 

Existem diversas clínicas particulares para dependentes químicos no país, com ideias e planejamento diferentes, para atender a todas as necessidades dos pacientes. 

As clínicas entendem que o vício em drogas é uma doença, precisando de um tratamento adequado, determinando quais foram as causas biológicas, sociais e psicológicas que levaram a essa dependência.

Contato Rápido

Entramos em contato com você

 
Site produzido por: SITESP.NET